24
Jan 12

 

Tantas saudades de ti…

 

Tantas saudades de ti

Minha terra minha amada

Que me deu vontade de partir

Navegar até Angola

Mas como não tenho dinheiro

Para te rever pessoalmente

Fico-me por aqui pelos cantos

Carpindo minha dor de saúde de ti

Olhando lá sempre no horizonte

Para ver se vens ter comigo

Em forma de caravela doutros tempos

Mas por favor me vem buscar

Só quando Deus me mandar embora

Para chegar no outro lado sem saudades

Mas com muita alegria na minha alma

 

 M. Osório

-Peregrino-

2012-01-24

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 10:31
sinto-me: tremendamente nostalgico...!

Olá Marcolino. Desejo que esteja a passar bem.
Gostei do seu desabafo e creia que o que gostava mesmo era de lhe poder fazer a vontade de arranjar maneira de o saber voltar à sua terra, bem vivinho e com saude, para desfrutar de todas as coisas que ela lhe pode proporcionar.
Será que poderíamos começar um movimento pró?
Grande abraço
Teresa
Teresa a 24 de Janeiro de 2012 às 16:30

Olá Teresa!
Deixe as coisas como estão, porque eu, poeta angolano, sempre que queira, viajo até à minha Angola, é só pegar o avião das minhas recordações...!
Abraço
Marcolino
© M. Osorio a 25 de Janeiro de 2012 às 13:10

Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
17
18
19
20
21

22
23
25
26
28

29
30


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO