23
Ago 11

 

O meu Último Dia...

 

O meu Último Dia

Nunca será apenas um

O meu Último Dia

Tem sido uma constante da Vida

O meu Último Dia

Iniciou-se na Barriga da minha Mãe

Mesmo antes de ser dado à Luz do Dia

Depois veio o Último Dia antes de andar

Sempre seguido de muitos outros Últimos Dias

Recordo com alivio cada Último Dia

Porque foi sempre um Passo em Frente

Para Novos Rumos tomar

Se pensarmos maduramente assim

Optaremos por Viver com Alegria Total

Cada Novo Dia durante o nosso Tempo de Vida

Se já pensei no meu futuro Último Dia de Vida

Impossível pensar dessa forma

Não quero condicionar a minha Felicidade Total

Com tão redutor pensamento

Dia a dia etapa por etapa

Concretizarei tranquilamente cada Último Dia

Para Novas Etapas poder Iniciar

Em cada Capítulo do Meu Livro da Vida

Entre o Inicio e o Final de cada Capitulo

Há sempre estórias maravilhosas vivenciadas

Umas terão que ser aquilatadas tranquilamente

Para que determinados Erros feitos

Não tornem a condicionar a Futura Caminhada

Outras terão o condão de me Iluminar o Semblante

Para que os Novos Rumos sejam vivenciados com Alegrias

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2011-08-23

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 06:21
sinto-me: de coração pleno de Alegria..!

21
Ago 11

 

Envelhecer...

 

Envelhecer...

 

Não sou um especialista nesta matéria mas, de forma empírica, a minha certeza, é a dificuldade, que todos nós sentimos, porque não queremos ser capazes de aceitar, o envelhecimento, com sã e tranquila inteligência, como se de um dom de Deus se trate!

 

Envelheço diariamente, desde que nasci, numa curva de um gráfico ascendente, até aos dias de hoje, em que já passei do meu topo máximo, continuando a minha caminhada, dentro dos valores bem positivos, até a minha curva descendente cortar a abcissa, do meu gráfico de Vida, ou a pique, por morte súbita, por fatores externos, ou apenas dentro do seu lenta e salutar esfumar, até à minha morte física, de forma naturalmente natural.

 

Durante o meu Crescimento fui-me habituando a usufruir do são evoluir das minhas funções orgânicas, cada vez mais apuradas, até ao seu auge.

 

Depois de terem atingido o seu topo máximo, entraram na sua fase descendente, altura em que, para espanto meu, me apercebi que, no dia seguinte, e em cada dia que passava, já não eram, fisicamente falando, as mesmas, que me tinham proporcionado, em crescendo, tanta força e tanta agilidade, fato que me foi dando muita segurança interior, para poder optar, de forma consciente, que não deveria meter-me, de futuro, em aventuras de outrora.

 

O meu envelhecimento passou a ser feito, num crescendo, de ideais positivos, pela minha sã presença, sobre este belíssimo Planeta Azul.

 

Passei a ser muito mais útil à mim mesmo, e à comunidade onde estou inserido, mostrando-lhes tranquilamente, que é possível envelhecer sem sofrer psiquicamente, nem fazer de conta que dependemos de terceiros para que nos façam certas tarefas, ainda ao alcance das nossas qualidades físicas.

 

Envelhecer...

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2011-08-21

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 13:12
sinto-me: um velhote felicissimo...!!!

20
Ago 11

 

A Jornada Mundial da Juventude 2011...

 

A Jornada Mundial da Juventude 2011

Realiza-se em Madrid com a presença do Papa

Desejada por mais de um milhão de presentes

Contestada com violência física e verbal torpes

Por uma minoria primária anti-igreja Católica

Fazendo recordar os acontecimentos contestatários

Numa das mais belas praças de uma Madrid Democrática

Fez-me escrever estas curtas linhas

A Juventude foi sempre presa fácil nos momentos de crise

Necessita de ser Protegida Amada e Apoiada

Para que não seja contaminada pela Ira e pela daninha Revolta

Habilmente manobradas por mentes primárias e doentias

Haja Paz

Haja Amor Fraternal Universal

Haja uma Partilha constante dos Ideais bem Construídos

Alimentos primordiais para um são convívio entre Humanos

Nesta época de de crise da Paz do Amor e da Partilha

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2011-08-20

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 13:11
sinto-me: Feliz...!

12
Ago 11

 

País de Ignorantões...

 

País de Ignorantões

Este é o meu doce Portugal

Que depois de cada Conferencia

Tem que ter em cada Estação presente

Um Douto Jornalista

Que nos vem explicar tintim por tintim

Aquilo que o Conferencista claramente nos disse

Com palavras suas e em Português

Acrescentando quase sempre uma mentira

Tirada daquilo que o Conferencista não nos disse

Sermos tratados assim pelos Doutores Jornalistas

É levarmos um Atestado de Burrice Crónica

Pior um pouco um Atestado de Analfabetismo Puro

Ou será que os Doutores Jornalistas à falta de melhor

Sem modéstia alguma se prestam a estes tristes papeis

De tradutores de Português para Português

Já que todos nós Portugueses

Desde o Berço aprendemos a falar Português

Ou será que estes Doutores Jornalistas

Alguma vez tiveram aproveitamento declarado

Na língua Portuguesa e a Matemática

Em terra de Portugueses quem assim se mostra é Rei...

País de Ignorantões

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2011-08-12

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 11:05
sinto-me: a sorrir com estas cenas...!!!

04
Ago 11

 

A Mentira deliberada...

 

A Mentira deliberada

É arma mortífera

De carnificina incalculável

Se te atreveres a mentir

Aos teus descendentes

Usando a sua Boa-Fé cega em ti

É como se os levasses mãos dadas

Exigindo-lhes que vendassem seus olhos

Guiando-os direitinhos aos Abismos

Para por lá se precipitarem

Por tua causa nunca mais as suas mãos

Se estenderão abertas e francas

Às tuas mãos mentirosas

Nem alguma vez mais

Nas mãos dos humanos acreditarão

Para dares dinamismo à tua causa

Deformaste-a a teu belo prazer

Mergulhando deliberadamente

Na sombra cómoda da tua perversa Mentira

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2011-08-03

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 20:22
sinto-me: preocupadissimo...!!!

01
Ago 11

 

Recomeçar Vida Nova...

 

Recomeçar Vida Nova

Dizem que é começar de novo

Mas começar de novo

É recuar no Espaço do Tempo

Para voltar a viver o já vivido

Recomeçar Vida Nova é preferível

É seguir no mesmo Comboio

Numa das muitas Carruagens

Apenas com passageiros diferentes

Quiçá a sós connosco próprios

Que me perdoem os que me leem

Principalmente aqueles

Que ainda não souberam com Verdade

Recomeçar a sua Vida Nova

Explicito

Enviuvar mantendo-se casado mentalmente

Sem desejar seu luto concretizar

Divorciar mantendo-se casado mentalmente

Sem desejar seu divórcio concretizar

São dois dolorosos Estados Psicológicos

Que em nada beneficiam seus utentes

E todos aqueles que os rodeiam

Alguns até os poderiam torná-los bem felizes

Adorei conhecer-te

Adorei ter podido ser teu confidente

Adorei ter podido ser teu cúmplice

Mas olha bem para ti

Não a um espelho de imagens virtuais

Mas sim para a Realidade da tua Vida

Se queres mesmo Viver com aquela Boa Alma

Concretiza o teu Luto

Concretiza o teu Divórcio

Para não lhe seres Mentalmente Infiel

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2011-08-01

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 11:40
sinto-me: muitissimo feliz...!

Agosto 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
18
19

22
24
25
26
27

28
29
30
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO