15
Ago 09

Surpresas agradáveis...

 
É aquilo que a Vida
Sempre me reserva
Saí do autocarro
Mesmo à porta do Shalom
Para me refrescar um pouco
Quiçá dois dedos de conversa
A tarde estava quente
Aquele quente
Que nos deixa esparramados
Pensamentos andar devagarinho
E falar está quieto com ele
Passei por entre as mesas
Dei numa delas
Com duas vizinhas minhas
Olá disse-lhes eu
Olá vizinho
Responderam elas
E lá acabei por abancar
Tertuliando sobre coisas e loisas
Que apareciam com um estalar de dedos
A conversa foi dar à arte
E o trio espantado ficou
Porque nunca nos havíamos imaginado
Amantes da fotografia
Amantes da escrita
 E ... uma delas muito envergonhada
Amante da pintura
Coincidência das coincidências
Mal o sol nascera esta manhã
Estava lindo ao dizer-nos Bons-Dias
De andares diferentes
Com o mesmo sentimento
Registamos nas nossas câmaras
Aquilo que nos fez despertar
Bons augúrios logo pela manhã
 
Marcolino Duarte Osório
- Peregrino -
2009-08-15
 
publicado por Marcolino Duarte Osorio às 23:21
sinto-me: Fiquei mesmo muito feliz!

Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14

18
19
20
22


31


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO