25
Nov 10

 

Porquê então Natal...

 

Ainda hoje estou para saber

Para que servirá esta festividade

Criada pelos seres humanos

Com origem não europeia

Já passei

Ou já passaram por mim

Tantos Natais

Como quantos anos de vida tenho

Natal após Natal

Fico à espera do seu real significado

Dizem-me que é algo amilagrado

Sempre perguntei

Porquê então o Natal

A quem eu achava ter uma resposta cabal

Apenas capto mil e uma divagações

Sobre o que deveria ser

Mas que na realidade nunca foi

Ainda consigo entender o significado

Das festividades do Fim de Ano

Resume-se à mudança de números

Números do Calendário atual

Passagem estreita de um ano para o outro

Mas no Natal não existe mudança alguma

Não existe passagem estreita nem larga

Sempre existiu uma triste realidade

Do parecer que vai tudo mudar

Pelas saudações

Pelos escritos

Pelos ditos

Pelos beijinhos

Pelos Abraços

Pelas prendinhas

Mas mesmo ao final do dia

Tudo volta a ser como era

Desilusão consciencializada

Dá-me para perguntar mais uma vez

Porquê então o Natal

 

Marcolino Duarte Osório

- Peregrino -

2010-11-25

publicado por Marcolino Duarte Osorio às 15:15
sinto-me: à espera do Milagre do Natal..
tags:

Também eu mantenho uma secreta esperança de que o natal mude alguma coisa... dentro de nós.
E a cada natal que registei, as palavras são tristes, mesmo nas festas grandes...
não posso dizer que não gosto do natal... minto se o disser
Secreta esperança?
Beijinho...
Isabel
Isabel Maia Jácome a 25 de Novembro de 2010 às 18:42

Marcolino:
O Natal me todas estas festas familiares sempre causam em mim um sentimento de ambiguidade..
Se a criança que existe em mim ainda "acredita" na magia e nas promessas destas festas, a adulta confronta-se com um perído estressante, cheio de gastos (a bem dizer, inúteis..) e frustrações de terceiros que sentem este período como um acerto anual de contas.
E outros que, contagiados por expectativas que não criaram, nem têm espaço para as ter, percebem mais claramente a sua situação.E entristecem ainda mais...
Quando os meus filhos eram pequenos, o Natal estava carregado de promessas e alegria. ..Mas hoje, já nem sei bem.
Gosto da mesagem cristã e de nascimento de uma boa nova e é por aí que ocupo o meu coração nesta época.
Abraço meu amigo
Marta M
Marta M a 26 de Novembro de 2010 às 12:20

Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
13

14
15
16
19

21
22
23
24
26

29
30


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO